• GFD

Prevenção de lesões no Basquetebol - Em direto no GFD

Amanhã, 20 de Maio, vamos estar em direto no Instagram do GFD Fisioterapia e Osteopatia, às 21H30.


Sob o tema, "Prevenção de lesões no Basquetebol", Ernesto Ferreira convida um painel de ilustres convidados: Telma Fernandes, Fisioterapeuta, Sérgio Ramos, antigo jogador e treinador e Márcia Costa, Jogadora. A perspectiva do Fisioterapeuta, do Treinador e do Jogador



Telma Fernandes - Licenciada em Fisioterapia em 2014, pela Escola Superior de Saúde Egas Moniz.

É também Fisioterapeuta da equipa profissional de Basquetebol do Barreirense e colaboradora da federação portuguesa de basquetebol.


É especialista em Reeducação Postural Global, terapias miofasciais, Osteopatia aplicada ao desporto e trigger points.


Recentemente colaborou como autora do artigo "Prevenção de lesões no basquetebol", que podem consultar aqui.










Sérgio Ramos, é treinador da equipa sénior do Belenenses e treinador adjunto das seleções nacionais de Sub 20 e seniores, mas tem um percurso com uma longa história.


Representou a seleção nacional 115 vezes.

Foi no Maria Pia que começou a jogar e aos 19 anos de idade vai para o Benfica.

Aos 23 anos de idade vai para Milão e para o Lleida de Espanha, aos 25.

Considerado Jogador da semana e do mês na ACB

Vence 3 títulos campeão nacional Benfica e é também treinador do Benfica em todos os escalões sub14, sub16 e sub18.

Treinador senior belenenses.







Márcia Costa - Em 2000, porque uma vizinha da avó lhe dissera que quem fosse treinar ganharia gelados, começa a jogar! E é assim, que com 10 anos de idade caminha em direção ao Clube Naval Setubalense, apesar de cinco anos mais tarde, a modalidade deixar de existir no Clube Naval e Márcia Costa se mudar para a equipa de Palmela, onde apenas consegue jogar uma época. O Clube também encerrou.


Muda-se para o Montijo Basket Associação, que mais tarde passa os seus “direitos” para o Montijo Banda Basket. Começa com o clube na 2.ª divisão até chegar à liga. Em 2007/2008 é, pela primeira vez e por intervenção de António Carlos, chamada à seleção. Em 2010/2011 ganha a 1ª divisão e é considerada Melhor Jogadora [MVP]

Em 2011, com apenas 22 anos de idade, joga pela primeira vez na Liga Feminina e no final dessa época vai para a Quinta dos Lombos. “Uma troca difícil, porque iria deixar o clube que havia apostado em mim. O António Carlos ia-me matando 😂.”


Na QL ganha um campeonato nacional, a taça Vitor Hugo, a taça federação, e vai pela primeira vez jogar no Euro Cup.


Em 2015 decide ir para a GDESSA e é lá que vive os melhores anos da sua carreira. Dobradinha em 2017, 5 ideal, melhor jogadora portuguesa, melhor marcadora, melhor defensora pela 4ª ou 5ª vez, mais roubos de bola, mais assistências e em 2018 melhor percentagem de 3 pontos. Não fez a época completa.

Em 2017 joga pela 2 vez o Euro Cup (desta vez pela ESSA) e qualifica-se como a 9.ª melhor marcadora da competição europeia, 2.ª não americana. O mês de Fevereiro traz consigo uma surpresa: a meio da época, é contratada por uma equipa húngara. Vencem a taça Húngara ( a final é disputada com Sopron) e qualificam-se em 2.ª lugar no campeonato; em 1.º lugar ficou Sopron que ganhou a Euro Liga nesse ano.

É em 2017 que a Federação resolve o seu problema de nacionalização e represento pela primeira vez a equipa sénior. A sua primeira experiência com a seleção de 3x3 surge em 2019.

Nesta última época esteve na QL onde foi à final do campeonato.


Amanhã, 20 de Maio, às 21H30, Em direto no Instagram do GFD. Participem.


#GFD #GFDFisioterapiaOsteopatia #Fisioterapia #Osteopatia #Basquetebol #lesoes





0 visualização

GFD Amadora

Rua Olivença nº9
2700 - 622 Amadora

GFD Belém

Rua Fábrica Carp, 12A
1400-412 Lisboa

Não encontrou o que procurava?